Órgão Informativo da Associação Brasileira de Criadores de Búfalos

O Potencial
Tradicional criador de gado, Fábio da Costa resolveu inovar há cerca de cinco anos, quando começou a formar seu rebanho de bubalinos, hoje o segundo maior do Brasil com 700 animais. Durante a safra - de abril a outubro - a fazenda Betel produz 3 mil litros de leite/dia, que entrega para o laticínio Tavollaro transformar em queijo. Em períodos de entressafra - entre novembro e março a produção se situa entre 1,3 mil e 1,5 mil litros de leite/ dia. (...)
“É enorme a quantidade de queijo tipo mozzarella que é produzido com leite de vaca e comercializado como se fosse leite de búfala", diz Costa. Ele calcula que apenas 10% do consumo nacional é de mozzarela legítima de búfala.

Países Vizinhos
Os bons resultados obtidos pela fazenda Betel atraíram a atenção de países vizinhos que tem interesse em produzir mozzarella de búfala. A Colômbia, por exemplo, está importando 200 animais para dar início a produção no País. “Trata-se da maior exportação brasileira” (…).
As Exportações de Betel são para a CGR Biotecnologia, empresa de genética bovina, que está introduzindo o rebanho leiteiro bubalino naquele país. “Já existe um pequeno rebanho de corte. A Colômbia quer agora introduzir a produção de leite de búfala. Vamos exportar os animais e ministrar um curso de manejo adequado do rebanho”, diz Costa.
A ABCB agradece ao Criador Fábio Pinto da Costa que nos patrocinou um espaço em seu Stand onde tivemos a oportunidade para divulgar nossos trabalhos (…).